T&D é fator chave para engajamento a longo prazo

Há muitas razões pelas quais os colaboradores podem se sentir desengajados de trabalho. De acordo com um estudo de 2021 da Harvard Business Review , a maioria dos colaboradores relatou que, embora as empresas geralmente satisfaçam suas necessidades de desenvolvimento ‘no trabalho’, elas não oferecem desenvolvimento formal ou estruturado, como treinamento, orientação e coaching. É por isso que os cursos precisam ser envolventes e genuinamente relevantes para os funcionários, dando a eles ferramentas práticas para impulsionar sua jornada de carreira e também desenvolver em suas vidas pessoais.

Isso significa que, além da cultura corporativa, o T&D é um fator-chave para o engajamento dos colaboradores. Não só demonstra aos colaboradores que a empresa se preocupa com eles e com o seu desenvolvimento pessoal, como também lhes dá oportunidades para aprenderem novas competências e desenvolverem-se profissionalmente. No entanto, a abordagem precisa encontrar um equilíbrio entre o desenvolvimento pessoal e profissional de cada colaborador e os objetivos do negócio.

O Relatório de Aprendizagem e Desenvolvimento no Local de Trabalho de 2018 do LinkedIn revelou que 94% dos colaboradores permaneceriam em uma empresa por mais tempo se ela investisse em seu desenvolvimento de carreira – um número revelador para as equipes de T&D refletirem.

Investir em treinamento e priorizar o engajamento dos colaboradores, com uma estratégia definida para alcançá-lo, são fundamentais para um sólido programa de T&D que proporcione ROI e sucesso nos negócios. O aprendizado e o desenvolvimento podem ter um impacto significativo no engajamento dos funcionários, e a abordagem de treinamento correta pode desenvolver um compromisso mútuo entre o empregador e seus trabalhadores, para que ambos invistam nos resultados da empresa.

O envolvimento dos colaboradores tem uma série de benefícios, e muitos deles podem ter um impacto real no sucesso do negócio. Para alcançá-lo, eles precisam se sentir parte da empresa e que seu trabalho seja apreciado. Eles também querem saber que têm oportunidades relevantes de desenvolvimento pessoal e profissional, para que possam crescer em todos os aspectos de suas vidas. Se os colaboradores sentirem que sua organização acredita neles e está pronta para investir em seu pessoal, as empresas terão uma força de trabalho dedicada na qual podem confiar durante tempos difíceis inesperados.

Fonte: https://blog.crossknowledge.com/