Blog

Como escolher um LMS para seus cursos on-line

Dada a importância que o LMS desempenha na entrega de conteúdo, é importante que você faça a escolha certa. Aqui estão alguns aspectos a serem observados para te ajudar a escolher qual plataforma é a certa para suas necessidades.

1. Funcionalidade

Os recursos que você deve procurar em um bom LMS (Learning Management System) incluem perfis de usuário, organização do curso e proteção de conteúdo, acesso para associação e a capacidade de incluir uma variedade de arquivos de mídia avançada. Na verdade, um bom LMS provavelmente apresentará a você mais funcionalidades do que você imaginava. Afinal, se este é seu primeiro curso online, você pode não ter considerado algumas das principais funções administrativas que precisará para fazê-lo funcionar. Mas seu provedor de LMS terá pensado neles, porque é isso que eles fazem.

No entanto, só porque um LMS oferece esses recursos, não significa que você precisa de todos eles. Em vez disso, pense estrategicamente sobre os recursos e funções de que você realmente precisa para oferecer seu curso online.

Por exemplo, seu curso é direto ou complexo? Alguns LMSs oferecem um serviço mais simples a um preço mais acessível. Outros são ferramentas de alta potência projetadas para acomodar uma variedade de materiais de cursos e ofertas de programas. Não escolha a opção mais barata apenas para economizar dinheiro se ela não puder atender às suas necessidades. Mas, ao mesmo tempo, não pague a mais por funcionalidades que você nunca usará.

2. Usabilidade

A usabilidade é importante tanto no front end, onde seus alunos acessarão seus cursos, quanto no back end, onde você e sua equipe conduzirão as funções administrativas. Você deve ter instruções de seu fornecedor de LMS que mostre como usar o software, bem como outros recursos de tutorial ou você achará o programa frustrante ou complicado de usar.

Verifique se o seu LMS oferece uma demonstração para que você possa ter uma ideia de como funciona antes de se adquiri-lo. Este é o software que você usará como a plataforma principal para o seu material de curso online, e a troca de plataformas acarreta custos. Você não quer ficar desapontado com o que tem e pensar em mudar para outra plataforma – especialmente se você não sabe se essa plataforma será melhor.

3. Comunicação

Você pode enviar notificações e e-mails aos alunos por meio do seu LMS? Existem ferramentas de automação para tornar essa comunicação mais fácil? Existe algum limite para o número de e-mails que você pode enviar ou receber? Alguns LMSs, por exemplo, restringirão sua capacidade de enviar e-mail para seus alunos, a menos que você esteja pagando por um determinado nível de seu plano mensal.

A comunicação de aluno para aluno é menos crucial, mas ainda assim importante. Um fórum de aula permite que os alunos discutam e ajudem uns aos outros com o conteúdo do curso, e cria um senso de comunidade que às vezes falta em uma experiência de aula online.

4. Acesso

Como você planeja gerenciar o acesso ao conteúdo do seu curso? Você quer que os alunos percorram o conteúdo em seu próprio ritmo ou prefere alimentar os materiais do curso de acordo com uma programação? Enquanto o primeiro modelo atrairá mais alunos automotivados, o último garante que os alunos avancem no curso em um ritmo semelhante.

Este assunto diz respeito não apenas à forma como você ministra o curso, mas também ao modelo de preços que você escolheu. Por exemplo, você pode querer oferecer seu curso como uma compra única com acesso ilimitado ao material do curso. Ou você pode desejar que o acesso expire após uma certa data ou oferecer um serviço baseado em assinatura. Todas essas decisões afetarão como você cria, gerencia e comercializa seu curso.

5. Rastreamento

Ser capaz de ver o desempenho de seus alunos em testes e questionários é um dos recursos básicos de que seu LMS precisa para ser eficaz. Isso é importante para as notas e a avaliação dos alunos, mas também para uma visão mais ampla, você precisará encontrar áreas em seu curso que possam precisar de material complementar, o que pode ajudá-lo a reduzir sua taxa de evasão.

O feedback do usuário também é crucial para fazer melhorias em seu curso online. Isso significa que você precisa de um LMS que possa fornecer dados detalhados sobre como os alunos usam o curso. Encontre uma plataforma que possa mostrar o progresso dos alunos durante o curso, bem como quanto tempo eles gastam nas aulas.

6. Compatibilidade

Se você usar outro software ou programas para executar o curso, certifique-se de que sejam compatíveis com o seu LMS. Um bom LMS oferecerá suporte a APIs de desenvolvedor para que você não precise alterar os programas para acomodá-lo. Afinal, se esses programas contêm conteúdo, dados ou ferramentas de que você precisa para fazer seu curso funcionar, mudar para um novo programa pode ser mais problemático do que escolher um LMS diferente.

Escolher o LMS certo pode ser a chave para o sucesso.

Existem muitos elementos que você precisa  trabalhar em conjunto para criar um curso online robusto. Embora o seu LMS seja apenas uma peça do quebra-cabeça, ele pode tornar o resto do seu trabalho muito mais fácil. Concentrando-se nas necessidades que você tem para o seu curso e experimentando algumas das opções disponíveis, você será capaz de encontrar uma solução adequada ao seu curso.

Fonte: https://www.learndash.com/

Share:
Translate » Traduzir