Blog

O que os colaboradores esperam de seu próximo LMS

Como priorizar seus alunos ao selecionar um LMS

Antes de atualizar para um novo LMS ou comprar seu primeiro sistema, o comitê de seleção deve entender os requisitos do usuário final. Uma das melhores maneiras de coletar essas informações é por meio de pesquisa anônima ou entrevistas em campo.

Normalmente os alunos não querem recursos sofisticados. Eles desejam soluções acessíveis, intuitivas e simples, que facilitem seu treinamento.

Os colaboradores querem (e precisam) de simplicidade em um LMS

A coisa mais importante que os colaboradores procuram ao usar um LMS é a simplicidade. Não podemos presumir que todos os colaboradores tenham o mesmo conhecimento digital, formação educacional, experiência ou método de aprendizagem preferido.

Precisamos dar um passo para trás e começar com o básico:

– Interface de usuário intuitiva
Os usuários não querem recursos e plug-ins desnecessários que irão adicionar complexidade extra ou frustração a suas vidas. Sistemas excessivamente complicados, paredes de texto ou interfaces de usuário extra-chamativas podem atolar uma plataforma, tornando-a complicada e até mesmo intimidante de aprender.

– Sistemas simples com uma curva de aprendizado menor
A plataforma deve ser intuitiva. Tutoriais e guias complicados interrompem a experiência do usuário. Poucos usuários desejam seguir instruções de texto detalhadas ou guias de vídeo sempre que fazem login.

Isso é especialmente importante se for esperado que os colaboradores façam logon no sistema apenas em intervalos maiores (ou seja, para treinamento anual, pois eles precisarão reaprender o sistema todas as vezes.

– Experiência do usuário focada para aprendizagem
O design simplificado ajuda a manter os alunos focados. Alunos adultos apreciam uma plataforma que limita as distrações, otimiza os tempos de carregamento e torna tudo mais fácil de encontrar em todo o LMS.

– Recursos integrados de microlearning
Mais da metade dos colaboradores têm maior probabilidade de se envolver na aprendizagem se os cursos forem divididos em cursos mais curtos. Os vídeos e os conteúdos interativos ajudam esse tipo de aprendizado, e os colaboradores também adoram.

Os colaboradores não querem uma plataforma. Eles querem, na realizade, acesso ao treinamento e às informações de maneira fácil e descomplicada. Quer se trate de um recurso-chave ou programa de conhecimento, agilizar como essas informações chegam ao funcionário é uma consideração importante.

Sem problemas de login

Este é um grande problema que muitas vezes passa despercebido no processo de avaliação. A experiência afeta o resultado. Portanto, se você criar uma experiência de login negativa, especialmente para alunos que não são 100% alfabetizados digitalmente, a experiência será completamente destruída antes mesmo de começar.

É preciso energia e esforço do lado do usuário para solucionar os problemas. Por exemplo, se um usuário clicar em um botão e nada acontecer, ele pode não saber verificar se seus pop-ups estão sendo bloqueados ou outro problema que está tornando sua experiência mais lenta, como requisitos de senha complicados ou validações excessivas. Reduza essas complicações ao mínimo possível.

Acesso móvel

Muitas plataformas LMS são otimizadas para desktops e laptops, mas 48% dos entrevistados disseram que seriam “mais propensos” a usar um LMS com acesso por smartphone ou tablet. Os colaboradores desejam escolher como, onde e quando acessar o treinamento. A plataforma não pode atrapalhar ou ser muito rígida para forçar os usuários a aprender por meio de um meio específico.

Acesso aos que precisam

Os colaboradores não querem a dificuldade de selecionar treinamento e informações que não sejam relevantes para sua função. Caminhos de aprendizagem direcionados por funções e automatizados com gatilhos também tornarão a vida de sua equipe mais fácil.

Conteúdo organizado da perspectiva do aluno

Ao criar material de conteúdo dentro do LMS, pense em como é fácil encontrar as informações do ponto de vista dos colaboradores. As pastas e subgrupos que fazem sentido para a documentação da organização podem não fazer sentido para os colaboradores. Sempre considere a jornada do aluno e otimize a experiência para dar a ele a melhor chance de sucesso.

Hub com documentos de suporte e ajudas de trabalho

A criação de hotlinks em seu LMS e o upload de documentos importantes para cada função facilita a vida dos colaboradores em seu dia e melhora significativamente a adoção do LMS.

A aprendizagem social

As evidências mostram que a maior parte da aprendizagem acontece fora do contexto formal. Plataformas com discussão e recursos sociais ajudarão a envolver os alunos, principalmente os alunos mais jovens que preferem ambientes de trabalho colaborativos.

Em resumo: escolha o LMS que melhor se encaixe aos seus colaboradores

No final do dia, os colaboradores desejam uma experiência de aprendizagem simplificada . Eles desejam acesso fácil, simplicidade e uma plataforma que não atrapalhe a realização de seu trabalho todos os dias.

Se você tiver tempo e recursos, converse com os colaboradores, pesquise. Obter feedback e compilar uma análise completa de lacunas em seu sistema atual é a melhor maneira de entender os requisitos de um LMS para a sua organização e priorizar as necessidades deles. Se isso não for viável, espero que estas informações ajudem ao menos a preencher alguns dos espaços em branco que você ainda não tinha completado.

 

Fonte: https://elearningindustry.com/

Share:
Translate » Traduzir