Blog

4 dicas para gerenciar uma equipe de treinamento híbrido

Muitas empresas e colaboradores estão prontos para retornar ao trabalho presencialmente. Mas alguns colaboradores, principalmente, estão convencidos de que seus locais de trabalho devem permanecer em casa.

A divisão entre aqueles a favor e contra continuar com o trabalho remoto trouxe à tona questões importantes sobre equidade salarial e produtividade, e sobre desempenho e flexibilidade. Uma área que vale a pena explorar, é como um modelo híbrido impactaria no futuro do treinamento e desenvolvimento para essas empresas e colaboradores.

Existem desafios e oportunidades importantes para as organizações com forças de trabalho remotas no que se refere ao treinamento. Da noite para o dia, os líderes de aprendizagem e desenvolvimento (L&D) precisaram encontrar maneiras de mudar os programas on-line e integrar novas ferramentas para monitoramento e melhoria de desempenho para que pudessem ser implementadas para uma equipe remota. É compreensível, então, que alguns líderes recebam bem a ideia de retornar a um escritório tradicional, enquanto outros preferem continuar a desenvolver soluções que permitam o trabalho remoto.

Para algumas empresas, a solução híbrida é a ideal, uma espécie de meio-termo. O trabalho híbrido pode significar que alguns funcionários estão no escritório e outros remotos, ou que todos os funcionários passam algum tempo trabalhando no escritório e o restante do tempo trabalhando em casa.

O trabalho híbrido permite a flexibilidade para se adaptar à dinâmica das constantes mudanças e também permitir que as organizações atraiam trabalhadores que se adaptem a ambos formatos, remoto ou presencial. Com algumas considerações, os líderes de L&D podem gerenciar uma equipe híbrida com facilidade. Siga estas dicas para começar:

1.Seja consistente

Procure maneiras de mover o conteúdo que normalmente é apresentado pessoalmente ou no local para um fórum on-line. Dessa forma, o currículo e o treinamento podem ser acessados ​​facilmente por funcionários no escritório e também em ambientes remotos. Se o treinamento presencial for oferecido, considere oferecer uma opção de streaming para aqueles que não estão no escritório ou grave as sessões para que possam ser vistas mais tarde. Certifique-se de que as informações compartilhadas com os funcionários internos sejam iguais às dos que trabalham remotamente. Ajustes simples, como mover postagens de requisitos de treinamento ou oportunidades de aprendizado de um pôster no escritório ou nota no elevador para o quadro de mensagens online da empresa ou boletim informativo semanal por e-mail, podem ser de grande valor.

2.Seja claro

Em um ambiente híbrido, a própria natureza do ambiente de trabalho é fluida. Alguns funcionários podem vir ao escritório alguns dias por semana, outros com maior ou menor frequência. Os líderes de L&D devem fazer um esforço para serem claros sobre as oportunidades disponíveis e os requisitos de programação para elas. Avise os membros da equipe que necessitam de mais atenção para que eles possam fazer os ajustes necessários e trabalhe com os gerentes e chefes de equipe na programação que será mais bem-sucedida para seus funcionários.

3.Procure boas oportunidades de treinamento

Além das ofertas de treinamento normais em seu portfólio, os líderes serão sábios se adotarem novas ofertas que abordem as habilidades de que os funcionários precisam para trabalhar remotamente com sucesso. Cursos sobre tópicos como gerenciamento de tempo, dicas de layout de home office e até mesmo treinamento sobre a melhor configuração de iluminação para videoconferências podem não estar na agenda em um ambiente de L&D tradicional, mas uma força de trabalho híbrida oferece a oportunidade para procurar e implementar treinamento exclusivo para o mundo em que vivemos (e trabalhamos).

4.Incentive o feedback

Com muitas equipes agora interagindo com trabalhadores que raramente se veem cara a cara, é importante incentivar o feedback dos próprios trabalhadores híbridos. Pode ser mais difícil obter o tipo de feedback sobre os programas de treinamento e o potencial de melhoria quando não há notícias circulando em um escritório físico e nenhuma chance de obter informações dos gerentes durante conversas casuais. Fornece ampla oportunidade para feedback e incentiva solicitações de oportunidades de treinamento adicionais. Na maioria dos casos, os funcionários e gerentes dirão o que precisam.

Nesses tempos únicos em que vivemos, apresentam imensas oportunidades para a expansão da compreensão tradicional do trabalho. As equipes estão colaborando, resolvendo problemas e crescendo em meio a desafios que dificultam o encontro presencial. O trabalho híbrido pode preencher a lacuna entre o trabalho no escritório e o remoto e, com as estratégias certas, os líderes de L&D podem servir suas equipes híbridas por meio de programas eficazes que contribuem para o crescimento pessoal e organizacional.

Fonte: https://trainingindustry.com/

Share:
Translate » Traduzir